ENSINA-NOS SENHOR, A DEDICAR TEMPO
SILÊNCIO E ATENÇÃO À ESCUTA DA VOSSA PALAVRA

Semana da Familia 18 Banner site

Saiba Mais

Mensagem do Dia - 16/08/2018

Reflita sobre sua vida, suas conquistas e fracassos, perceba que Deus está presente em cada momento de nossas vidas, cuidando da estrada e preparando o futuro. Que você possa entregar sua vida a Deus nessa quinta-feira!

Adoração e Vida na Festa de Pentecostes na Paróquia Espírito Santo

Ministério comemora 10 anos de existência com grande show na Paróquia no dia 24 de maio. Lançamento de EP e venda de camisetas através de um hot site fazem parte de campanha para arrecadar fundos para gravação de novo DVD

MAV

Ministério Adoração e Vida já emocionou milhares de pessoas com suas músicas. Com a benção e envio para missões no Brasil e no exterior, sua base continua na Diocese de São José dos Campos, mas sempre embarcando para missões onde Deus os encaminha.
Porém, no dia 24 de maio, domingo de Pentecostes, às 20h, teremos a oportunidade de beber desse carisma e da alegria desse ministério num grande show evangelístico na Festa de Pentecostes da Paróquia Espírito Santo.

O Ministério que já emocionou e alcançou a milhares de pessoas com suas canções, como Hoje Livre Sou, Abraço de Pai e O Céu se Abre. Todo ano a organização desse evento monta um grande palco no estacionamento da igreja, onde uma multidão de sedentos da Graça de Deus sempre prestigia. Este ano o Adoração e Vida completa 10 anos de existência e tem feito uma campanha no site www.adoracaoevida.com para alcançar recursos para gravar um DVD comemorativo. Para isso estão disponibilizando um EP (novo álbum) com participação especial de Guilherme de Sá da banda Rosa de Saron e também camisetas desse projeto, que inclusive estarão disponíveis no dia do show na Festa de Pentecostes.

No momento que acessar a página do projeto, você pode solicitar o EP por R$ 7 ou mais, se quiser doar mais. O pagamento é realizado através de boleto bancário e do sistema PayPal. Doações espontâneas podem ser realizadas por depósito bancário na conta do ministério. O álbum vem com as músicas, as letras e cifras mais as fotos, e só serão baixados quando a arrecadação chegar aos 100%.

Matéria de Alberto Andrade, para a Revista PES de CRISTO, edição 26, de abril de 2015.

Site PENTECOSTES PES 2015

 

Estúdio de última geração

Qualidade! Estúdio é diferencial no trabalho de evangelização por meio da música

estudio musica donatt baixa sem logo 34

Quem canta reza duas vezes”.A frase de Santo Agostinho ecoa nas dependências da Paróquia Espírito Santo e ganha sentido em cada celebração realizada na igreja. Em uma comunidade marcada pelo louvor a base de muita música, um diferencial é a estrutura oferecida aos músicos dos ministérios.
A Paróquia tem o privilégio de contar com um estúdio profissional, com mesa digital SoundCraft, bateria, caixa para contrabaixo, caixa para guitarra e todos os demais equipamentos necessários para a realização de ensaios e produção de materiais de evangelização. No estúdio também são realizados treinamentos para os locutores e outros profissionais que atuam na webrádio PES de CRISTO. “O próximo passo que estamos alinhando com nosso coordenador, Luiz Roberto Júnior, é a preparação de treinamentos para os técnicos do estúdio com o objetivo de iniciarmos aqui a gravação de materiais de áudio”, explica o técnico de som da PASCOM, Étori Trone.
A estrutura do estúdio foi projetada para permitir a realização de grandes projetos. Na preparação para a celebração da Vigília Pascal, por exemplo, 14 integrantes de ministérios ensaiaram juntosas músicas. Para os profissionais que utilizam o espaço, o estúdio é visto como uma benção e uma ferramenta importante no trabalho de evangelização. “Temos que realizar o melhor para Deus e este espaço nos dá todas as condições para ensaiarmos para que nas celebrações saia tudo 100% e o amor de Deus seja levado também pela música”, relata Étori Trone.

Matéria de Theives Andrade, para a Revista PES de CRISTO, edição 26, de abril de 2015.

#paróquiaespíritosanto #revistapesdecristo #mosaico #estúdio #ministériodemúsica

Devoção a Maria

Por quê e para quê?

maddonaofthestreetswall

É inquestionável o carinho que se tem para com a mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ela é chamada de mãe da Igreja, protetora dos aflitos, rainha dos apóstolos etc. São títulos que demonstram afetividade por alguém que soube dizer sim à missão recebida de Deus. Eis três pontos essenciais que não devem faltar a uma verdadeira devoção a Maria.
Maria foi escolhida para ser a mãe de Jesus. Lucas (Lc 1,26-38) e Mateus (Mt 1,18-24) narram que o filho de Maria, Jesus, foi fecundado pelo Espírito Santo. Maria é mãe no sentido mais realista. Deus utilizou-se do óvulo de Maria para formar Jesus em seu ventre. Ela é mãe de Jesus. Sem ela Jesus não existiria como homem. E não há nada de errado em louvar a Deus pelo sim de Maria que fez Jesus assumir a natureza humana.
Assim como Maria, os discípulos discípulas de Jesus devem estar dispostos a ouvir o chamado de Deus para a missão e dizer: “Eis aqui o(a) servo(a) do Senhor”. Toda verdadeira devoção à Maria deve levar a imitação de sua entrega aos planos de Deus. Maria esteve sempre presente na vida de Jesus. Todos os Evangelhos (João, Lucas, Marcos e Mateus) narram a presença de Maria acompanhando os passos de seu filho Jesus.
Maria criou e educou Jesus na religião judaica e o encaminhou para conhecer a Lei e dos Profetas, a Sagrada Escritura da época. Quando Jesus fala: “minha mãe e meus irmãos são aqueles que fazem a vontade de Deus” (cf. Mc 3,35), de certa forma elogia Maria que soube colocar em prática sua santa palavra. “Jesus crescia em sabedoria, estatura e graça diante de Deus e dos homens”, e não se pode ignorar a ajuda de sua mãe.
Assim como Maria, os discípulos e discípulas de Jesus devem caminhar com Jesus e não fugir diante dos obstáculos. Maria permaneceu de pé diante da cruz (cf. Jo 19,23). Toda verdadeira devoção a Maria deve estar voltada para o estudo da Bíblia e a prática de seus ensinamentos. Maria permaneceu junto com os discípulos após a ressurreição de Jesus. O livro dos Atos dos Apóstolos, que conta a história do início da Igreja, traz a seguinte narrativa: “Todos eles perseveravam na oração em comum, junto com algumas mulheres – entre elas, Maria, mãe de Jesus” (At 1,14).
Maria estava presente na formação da Igreja e, junto com os apóstolos, recebeu a plenitude do Espírito Santo no dia de Pentecostes. Maria foi acolhida por João e soube acolher o pedido de Jesus: “Mulher, eis aí o teu filho!” (cf. Jo 19,26).
Assim como Maria, os discípulos e discípulas de Jesus devem perseverar na caminhada da Igreja. Certamente Maria animava os apóstolos a perseverarem na fé. A verdadeira devoção a Maria deve levar os fiéis a não desanimarem na caminhada da Igreja. A verdadeira devoção a Maria deve tratá-la como mãe de Jesus e companheira dos cristãos. Durante os quase dois mil anos da história da Igreja, Maria esteve sempre presente. Toda e qualquer devoção deve levar os fiéis para Deus. Muitos homens e mulheres encontraram em Maria inspiração para a santificação da própria vida. Que a devoção a Maria nos ajude a caminharmos para o Pai, junto com Jesus e abertos à ação do Espírito Santo, amém!

Artigo do padre Manoel Idalgo, para a Revista PES de CRISTO, edição 26, de abril de 2015.

 

 

Grupos de Espiritualidade da Paróquia

Mas, porque são apenas mornos, nem frios nem quentes, vou logo vomitá-los da minha boca.” (Ap. 14,16)

capa abril ADO 8918

Essa palavra, do livro do Apocalipse de São João, pode, para muitos, parecer agressiva e forte demais, mas ela contém uma profunda analogia, que explica direitinho, qual o modelo de cristão que agrada ao coração de Deus.
Nesse caso, o frio representa aquele que tem o coração duro, nunca se converte e nunca se arrepende de seus pecados; quente é o cristão que vive a verdadeira fé, que tem consciência de que é pecador e sabe que sem a misericórdia e o perdão de Deus, caminha a passos largos para a morte eterna; e “morno”, é o famoso “cristão em cima do muro” que deseja o mundo, mas sabe que o mundo é inimizade contra Deus, então, ora decide andar com Deus, ora se sujeita aos desejos de sua carne e vai atrás do mundo. Ele está na igreja, mas não quer abandonar o mundo, nem os prazeres que ele traz.
Para São João, essa é a forma de cristianismo mais repulsiva que pode existir. Tanto é que, deixa claro essa ideia, quando diz no versículo 15: “Eu sei o que vocês têm feito. Sei que não são nem frios e nem quentes. Como eu gostaria que fossem uma coisa ou outra!”. Para ele, é melhor ser frio do que ser morno, porque o que é morno causa náuseas e as náuseas causam vômito. Imagine então ser “vomitado” da boca de Deus?

Os “aquecedores” da fé
Todos os grupos abordados nessa matéria, mantiveram-se unânimes em afirmar que: “Só a profunda intimidade com Deus é que permite sermos cristãos autênticos”. Essa intimidade, muitas vezes, não pode ser adquirida frequentando as missas aos domingos e só. Apesar da missa ser a mais completa oração que existe e, indispensável à fé católica, a Bíblia também é clara em diversos pontos afirmando que os cristãos verdadeiros não podem viver apartados de suas comunidades. “Que adianta alguém dizer que tem fé se ela não vier acompanhada de ações?” (Tg. 2,14).
De acordo com a secretária do padre Luís Fernando, Ana Cláudia Ferreira, os grupos de espiritualidade da paróquia Espírito Santo, além de propiciar relacionamento íntimo com Deus, ainda são facilitadores de entrada, para as pessoas que querem servir na igreja. “Geralmente quem frequenta um desses grupos, acaba descobrindo os seus dons e carismas, passando depois a servir em alguma pastoral ou ministério, dentro da comunidade”, afirma.
Esses grupos também funcionam como complemento das redes celulares, porque atuam como uma “fonte de energia” que abastece as células e ajudam na caminhada. “Nos grupos a gente se alimenta da palavra e das orações, mas é na célula que temos a oportunidade de partilhar tudo que recebemos lá”, conclui Ana.

IMG 3002

Grupo de Oração Unidos em Cristo: Mais que um encontro, um impacto com Jesus
Fundado em 1985, o grupo de Oração Unidos em Cristo, é o mais antigo da Paróquia Espírito Santo. Pertencente a RCC (Renovação Carismática Católica) atua sob o carisma de apresentar Deus às pessoas e proporcionar um verdadeiro encontro com Ele. Segundo explica o coordenador do grupo, Wanderley de Mesquita Candido (44), todos os grupos de oração carismáticos seguem a mesma estrutura organizacional, formada por: acolhimento, invocação do Espírito Santo, escuta da palavra, pregação sobre o tema, orações e louvor.
O Unidos em Cristo faz suas reuniões às quartas-feiras, na Igreja, a partir das 19h30. Os encontros duram cerca de duas horas e a cada semana um tema é trabalhado. “O tema é inspiração do próprio Espírito Santo. A equipe de serviço se reúne, em intercessão, alguns dias antes da reunião acontecer. Durante as orações, o Espírito Santo se manifesta e nos inspira sobre qual assunto abordar”, completa.
Quem quiser participar do grupo, vai experimentar um encontro impactante com Cristo. “Muitas pessoas costumam esbarrar em Cristo. Ele passa por elas e elas simplesmente esbarram Nele, e isso não é um encontro. Mas aqui, eu tive um impacto com Jesus e isso transformou a minha vida”, conclui Wanderley.

IMG 2966

Grupo de Oração Restauração: acolhimento e simplicidade sob os olhos da Virgem Maria
Com o carisma de levar a palavra de Deus para todos, através de orações, pregações, retiros e kairós, o grupo de Oração Restauração se reúne na igreja, todas as terças-feiras, às 19h30. Também pertencente à RCC, existe na paróquia há dez anos, e há dois, é coordenado pela dona-de-casa Margarida França da Cruz (59).
Diferente dos demais grupos, o Restauração inicia sempre as suas reuniões com o Terço, seguido por um período de reflexão, que Margarida chama de “momento mariano”. Segundo explica a coordenadora, o perfil do grupo volta-se muito às orações e ao estudo da palavra, com ênfase na mãe de Jesus. “A partir do dia 28/04, vamos começar um seminário, no qual contemplaremos as sete dores de Maria”, informa.

Restauração 02

Ministério + Que Vencedores: transformar vidas e devolver a dignidade de Filho de Deus
Criado em 2012, o Ministério + Que Vencedores, surgiu com a proposta de se criar uma Casa Dia, para acolher e tratar pessoas com dependência química. Devido a dificuldades com espaço físico, passou a atuar na paróquia, onde hoje atende essa fatia da população, com serviços de acolhimento, triagem, acompanhamento e tratamento de pessoas e famílias, que desenvolveram problemas com drogas, álcool e outras dependências. Segundo explica o terapeuta e coordenador do grupo, Marcelo Bosco (44), o atendimento baseia-se nos Doze Passos, criados nos Estados Unidos em 1935 e que são usados hoje por entidades como os Alcoólicos e os Narcóticos Anônimos. “Nós adaptamos esse método para a nossa realidade e criamos os Doze Passos Cristãos, que usamos em nossas reuniões e no grupo de oração”.
O grupo de oração do ministério acontece às sextas-feiras, das 22h às 24h. Esse horário foi escolhido estrategicamente elo padre Luis Fernando, por geralmente ser nesse dia e hora que os usuários costumam sair à procura de drogas e outras substâncias ilícitas. “Nós somos a outra opção para essas pessoas, uma porta aberta e um local onde se pode partilhar a palavra, a partir de uma experiência com Deus, através do Espírito Santo”, completa.

Avivamento 01

Oficina de Oração e Vida: saber conversar com Deus e assim, tornar-se amigo íntimo Dele
Criadas em 1984 pelo padre espanhol Ignacio Larrañaga, as Oficinas de Oração e Vida surgiram com a principal finalidade de ensinar as pessoas a rezar. Segundo explica a advogada e guia da Oficina, Maria das Graças Ferreira Barbosa (55), muitas pessoas apresentam essa dificuldade de comunicação com Deus, e por causa disso, não conseguem estabelecer uma amizade com Ele. Através de um método prático e ordenado, aplicado em 15 sessões semestrais, a Oficina funciona semelhante a um curso, no qual os participantes recebem instruções teóricas, que os levam a meditar sobre a Palavra, e a aplicar essas instruções, em exercícios de oração intensiva. “Só se aprende a orar, orando. Por isso nosso método é prático, que ensina as pessoas a colocar a oração no seu dia-a-dia”, explica.

IMG 20150414 WA0007

Sentinelas do Senhor: O pelotão de elite em ordem de batalha
as guerras, os reis costumavam mandar, na frente das tropas, o seu mais bem preparado pelotão de soldados. Ele funcionava como um escudo, protegendo o resto do exército das investidas do inimigo. Assim funciona o grupo de intercessores Sentinelas do Senhor. Todos os dias, ele se reúne em grupos de oito a dez pessoas muito bem preparadas para interceder pela igreja e por todo o mundo.
De acordo com o coordenador do grupo, José Antônio Bispo (65), a preparação dos Sentinelas para se manter sempre em ordem de batalha contra o inimigo, é ter uma vida dentro dos ensinamentos de Cristo e estar sempre bem alimentados pela Palavra. Vão à missa todos os dias e recebem a comunhão. Rezam o terço e se colocam em posição de súplica pelo perdão, reconhecendo suas misérias. “É em cima de nós que o inimigo cai, então se não estivermos fortes no espírito, podemos ser abatidos”, completa.

IMG 20150413 WA0040

Terço dos homens: linguagem apropriada para o público masculino
Fazer com que os homens se tornem mais assíduos na oração. Esse é o principal objetivo desse grupo, que se reúne todo último sábado do mês, no Espaço Vida, para orar, louvar e meditar sobre temas voltados a realidade masculina.
Segundo explica o coordenador do grupo, Ricardo Chileno (33), o homem é a cabeça da família e hoje, enfrenta várias questões que trazem dificuldades no seu dia-a-dia. “No grupo ele pode partilhar essas dificuldades, suas angustias e prazeres, falando numa linguagem de homem para homem”, afirma.

IMG 2990

Grupos de oração Juvenil e Jovem: uma maneira de trazer os jovens para perto de Deus
Uma reunião de todas as células numa Grande Célula. Assim funcionam os grupos de oração das redes Juvenil e Jovem, aos sábados, às 17h e 19h30, respectivamente. Um espaço para que os adolescentes possam conviver entre si, de uma maneira saudável, e se encontrar com Deus através de uma linguagem mais atual e apropriada para eles. De acordo com a vice-coordenadora do grupo Juvenil, que atende adolescentes de 12 a 18 anos, Vera Lucia Silva Oliveira (34), esse é um momento muito importante na formação social e espiritual desses
jovens. “No grupo eles conhecem a alegria de ser de Deus e esquecem aquela falsa verdade que o mundo prega, de que quem vive no mundo é livre e quem vive em Deus é preso”, afirma.
Para Raphael Renó (17), que frequenta a Rede Juvenil há quatro anos, participar do grupo é um modo de alcançar a santidade sem abrir mão da alegria. “A alegria que você sente lá fora não dura, mas essa que vivemos aqui e que vem de Deus, nunca acaba”, conclui. Além da reunião semanal de oração, a Rede Jovem, coordenada pela analista de sistemas Vanessa Fonseca Siqueira (30) e o administrador de empresas Jefferson Arimatéia (23), realiza também outras atividades voltadas ao público de 12 a 19 anos, como retiros de conversão, seminários, retiros de namorados e solteiros e o famoso Santão, um momento de convivência entre os participantes com música, dança e comida, como uma festa. “Nosso carisma é a evangelização um a um. Jovens evangelizando jovens, para que eles não saiam para o mundo e afastem de seu convívio tudo que não agrada o coração de Deus”, conclui Vanessa.

IMG 3240 IMG 3244

Participe! escolha a sua!
Gostou das iniciativas e se sentiu tocado a participar de alguma das atividades? Acompanhe a programação no informativo paroquial distribuído ao final das missas ou entre em contato com a Secretaria Paroquial pelo telefone (12) 3931-2959 para mais informações

Matéria de Solange Carvalho, para a Revista PES de CRISTO, edição 26, de abril de 2015.

Semana de Pentecostes 2015 começa neste domingo

Você não pode perder as missas que acontecerão durante toda a semana! E também te esperamos no evangelizashow com cantor e compositor Pitter di Laura, missionário da comunidade Canção Nova, no domingo, às 20h30.

Pitter para site

Confira a programação completa:
Site PENTECOSTES PES 2015

Cada casa, uma célula que cresce e se multiplica; cada membro, um discípulo e missionário de Jesus Cristo.

Missas

2ª feira | 7h (Celebração) e 19h30 (Missa)
3ª feira | 7h | 19h30
4ª feira | 7h | 19h30 (Igreja)
5ª feira | 7h | 12h15 | 19h30
6ª feira | 7h | 15h15 | 19h30
Sábado | 19h (Igreja e CP4)
Domingo | 7h30 | 10h | 12h |
17h30 | 19h30

Confissões

3ª feira | 17h30
4ª feira | 9h30
5ª feira | 9h30
6ª feira | 9h30
Sábado | 10h


Programação de 13 a 19/08/2018

 

(12) 3931-2959


Avenida Cassiopéia, 461
Jardim Satélite, São José dos Campos/SP
12230-011


 Regiao Pastoral V Banner site